ARQUIVO DE ARTIGOS

Lìngua: PORTUGUÊS

Coffee Break by psd EdC  O projeto

A Economia de Comunhão (EdC) envolve empresários, trabalhadores, gestores, consumidores, aforradores [Nt: os que fazem poupanças], cidadãos, estudiosos e demais operadores econômicos. Foi lançada por Chiara Lubich em Maio de 1991 em São Paulo - Brasil, a fim de construir e apresentar uma sociedade na qual, à imitação da primeira comunidade de Jerusalém, "entre eles não havia necessitados".

baecker by kochtopf

As empresas são a espinha dorsal do projeto e livremente decidem colocar em comunhão os lucros da empresa segundo três finalidades de igual importância:

point-color.gifapoiar, através de projetos partilhados com base na reciprocidade, na subsidiariedade e na comunhão, o desenvolvimento das pessoas e das comunidades que se encontram em situação de pobreza;

point-color.gifdifundir a "cultura do dar" e da reciprocidade, pré-condição para o desenvolvimento integral e de uma economia e uma sociedade fraterna e solidária;

point-color.gifdesenvolver a empresa, criando postos de trabalho e riqueza, orientando toda a vivência dentro e fora da empresa para o bem comum.

Além disso a EdC dá origem a pólos produtivos nas cidadelas/cidadezinhas do Movimento dos Focolares, a fim de mostrar um local industrial sui generis, laboratório vivo de uma economia de comunhão.

Qual é a novidade?

  • A EdC nasce de uma espiritualidade de comunhão, expressão do carisma da unidade na vida civil;
  • conjuga eficiência e fraternidade;
  • acredita na força do dar e da espiritualidade para transformar o comportamento econômico;
  • não considera os pobres como um problema, mas como um valioso recurso para o Bem Comum.
Image

ARQUIVO DE ARTIGOS

Lìngua: PORTUGUÊS

LIVROS, ARTIGOS & MEIOS

Lìngua: PORTUGUÊS

Filtrar por Categorias

© 2008 - 2022 Economia di Comunione (EdC) - Movimento dei Focolari
creative commons Questo/a opera è pubblicato sotto una Licenza Creative Commons . Progetto grafico: Marco Riccardi - edc@marcoriccardi.it